Cuidados com Queimadura de primeiro grau




É essencial saber o que deve ser feito para o tratamento de uma queimadura de primeiro grau, modo que ela não evolua para uma condição mais complicada ou cause prejuízos ao paciente. Quanto antes esses cuidados forem tomados, maiores são as chances de uma recuperação saudável e bem sucedida.

Basicamente, as queimaduras são caracterizadas diferentemente de acordo com duas variáveis: extensão e profundidade. É uma união desses dois fatores que determina se o grau de determinada queimadura é maior ou menor.


As queimaduras de primeiro grau ardem bastante, já que elas irritam os vasos sanguíneos. É exatamente devido a isso que muitas atitudes são tomadas com imediatismo, embora isso possa ser bastante prejudicial.


A única coisa que deve ser feita em um primeiro momento é deixar a região da queimadura sob água corrente por bastante tempo, o que trará uma sensação de alívio. Além disso, como água é pura, então isso não incorrerá em complicações ou problemas na região da queimadura.


No verão, os cuidados com a pele devem ser redobrados, porque o sol e a desidratação podem trazer muitos problemas. Aplicar protetor solar cerca de 20 a 30 minutos antes da exposição solar e fazer renovação a cada 3 horas é importante para quem está na praia ou na piscina.

Quem deseja ficar bronzeada sem prejudicar a pele pode optar por usar um protetor solar mais fraco, com FPS 4 ou 8, por exemplo, porque ele filtra os raios nocivos do sol e deixam a pele mais bonita, com um tom dourado. Alguns óleos e bronzeadores também possuem fator de proteção solar incluído em sua fórmula, conferindo ótimos resultados.












Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.

© 2016 por Dr. Bruno H. Passos