Pare de se esconder!


Normalmente o que é novo, diferente e, principalmente, quando está relacionado à saúde do corpo, pode provocar certo receio nas pessoas. A mudança realmente causa medo e pode se referir ao medo do desconhecido e surgir da nossa imaginação, como imaginar o quanto será difícil e se adaptar a coisas novas, das quais não há um total conhecimento. Esse temor também pode surgir da limitação em perceber o quanto o diferente pode ser estimulante e motivador.

Ao decidir por cirurgia plástica, mesmo com todos os avanços da medicina e da tecnologia, que aumentam a acessibilidade e a segurança de procedimentos cirúrgicos, ainda é comum que as pessoas sintam receio de encarar o bisturi. Isso pode acontecer, porque normalmente as pessoas têm uma tendência maior em pensar mais no lado negativo das coisas do que no lado positivo. A visão pessimista costuma dar mais ênfase ao que pode dar errado, do que no que pode dar certo. Tal atitude é explicável, pois este comportamento ajudou a sobrevivência em tempos primitivos. Mas, para quem não mora mais em cavernas, o ideal é perceber que não há mais necessidade de tanto medo e ansiedade, pois as mudanças atualmente são muito favoráveis e possíveis.

Muitas mulheres acabam sentindo vergonha de colocar uma roupa mais decotada, mostrar as pernas, pior ainda de colocar um biquíni. E não somente elas, mas também os homens estão se preocupando mais com o corpo e procurando não só exercícios e ajuda nutricional, mas também da cirurgia plástica com retoques como lipoaspiração e procedimentos menos invasivos.

“A única coisa que devemos temer é o próprio medo”, disse sabiamente Roosevelt. Por isso, a insegurança pode ser vencida com a alteração de pensamento. Vale pensar nas vantagens referente às mudanças e se cercar de cuidados para ser bem-sucedido no desafio a ser encarado.

#saúde #corpo #receio #pessoas #mudança #medo #adptação #estimule #mudanças #mulheres #homens #verão #cuidados

Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.

© 2016 por Dr. Bruno H. Passos